Webmastering - Introdução à criação de páginas web

Maio 2015

Noção do síte web


Um website (também chamado sítio Internet por abuso de linguagem) é um conjunto de ficheiros HTML, vinculados por relações hipertextuais, armazenados num servidor web, ou seja um computador permanentemente ligado à Internet, alojando as páginas web.

Interesses de um site


A criação de um site justifica-se por várias razões :

  • A necessidade de visibilidade : um site, se for alvo de uma boa campanha de promoção, pode ser um meio para uma marca ou uma organização para aumentarem a sua visibilidade;
  • A melhoria da notoriedade : graças a um site institucional ou um mini site web relativo aos acontecimentos, uma marca pode desenvolver a sua popularidade junto do público;
  • A recolhimento de dados : a Internet representa para as empresas uma formidável oportunidade de recolher dados sobre os seus clientes ou de atrair novos clientes;
  • A venda em linha : receosos no início da Internet, os cibernautas rapidamente compreenderam o interesse da Internet para a compra de certos produtos de consumo. Um site pode representar, para certas empresas, uma oportunidade em termos de comercialização;
  • Implementação de um apoio aos utilizadores : cada vez mais empresas utilizam a Internet como suporte privilegiado para o serviço pré ou pós-venda. Com efeito, com um site, é possível pôr à disposição dos cibernautas um máximo de informações comerciais ou técnicas, a baixo custo.



Distinguem-se habitualmente várias categorias de sites, de acordo com o objectivo dos mesmos :

  • Os sites exposição tem por objetivo promover a imagem de marca da empresa, apresentando. por exemplo, os seus produtos ou os seus serviços;
  • Os sites catálogo são sites destinados a apresentar a oferta da empresa;
  • Os sites de informação são sites que fornecem uma informação específica a um tipo de usuário da internet;
  • Os sites comerciais são sites que vendem diretamente produtos ao usuário da internet e permitem eventualmente pagar em linha;
  • Os sites institucionais são sites que apresentam a organização e os seus valores. Este tipo de site descreve geralmente a atividade da organização, os números chave e dá informações necessárias aos clientes ou aos beneficiários;
  • Os sites pessoais (ou páginas pessoais) são sites realizados por particulares a título de lazer, geralmente por paixão por um assunto ou uma disciplina;
  • Os sites comunitários são sites que reúnem cibernautas ao redor de um interesse comum.
  • Os sites intranet são sites acessíveis a partir do interior de uma empresa ou de uma direção, tendo por objectivo a disponibilização e partilha de informações profissionais.

O que é o webmastering ?


Chama-se webmaster (em português webmestre) à pessoa responsável por um síte, ou seja, geralmente a pessoa que concebe um site e o atualiza.

A vida de um site possui duas facetas principais, e cada uma pode dividir-se em fases específicas:

  • A criação, correspondendo à concretização de uma ideia num site em linha, remetido e visitado;
  • A exploração, correspondendo à gestão diária do site, a sua evolução e a sua atualização.



Etapas do projecto



A criação de um site é um projeto global que compreende um grande número de fases:

  • Concepção, que corresponde à formalização da ideia;
  • Realização, que corresponde ao desenvolvimento do site;
  • Alojamento, que é a colocação em linha do site, de maneira permanente.



A exploração do site engloba, nomeadamente, as atividades seguintes:




A criação de site é por conseguinte uma atividade multidisciplinar que recorre a um grande número de competências. De acordo com a organização, a função de webmaster poderá passar de uma função de chefe de projeto à de "homem-orquestra", encarregado de todas as atividades, da concepção à referenciação.

O termo webmastering designa o conjunto das tarefas necessárias para a exploração de um site web.

Concepção


A maior parte das obras que tratam a criação de um site Internet aborda unicamente a fase de realização (criação de páginas web no formato HTML), essencialmente técnica, e deixam de lado, na maior parte dos casos, o conjunto das etapas de ante projecto.

A criação de um site não pode, com efeito, restringir-se à criação de páginas web. Trata-se sobretudo de uma diligência estratégica e criativa que deve ser realizada de maneira participativa, que deve envolver o conjunto dos interessados (representantes do pessoal, direção, clientes, etc.).

A concepção do site é assim uma fase essencial do projeto, na qual uma reflexão global é inicialmente efetuada, sobre os objetivos do site e o alvo potencial e, subsequentemente, sobre a estrutura, a ergonomia e a navegação.


Realização


A realização do site refere-se à criação das páginas web e dos elementos gráficos. A criação das páginas web consiste em criar ficheiros HTML. Existem duas maneiras de criar este tipo de ficheiro:

  • Editando os farquivos HTML "à mão", ou seja, escrevendo o código HTML num arquivo texto com um simples editor de texto. Esta solução é mais fastidiosa (apesar da relativa simplicidade da linguagem HTML), mas é, contudo a melhor maneira de aprender a realizar um site, de compreender como este funciona, e assim de estar em condições de criar um código optimizado e claro.
  • Utilizando um editor HTML WYSIWYG (What You See Is What You Get, ou "o que vês é o que tens"). Trata-se de um software que permite criar páginas web visualmente, colocando objetos e controlos. O software encarrega-se de gerar o código HTML automaticamente. Trata-se de uma solução muito prática para criar páginas web, porque a complexidade é mascarada, em grande parte. Este método pode provar-se muito fastidioso se o editor não permitir realizar o que o utilizador deseja. Um certo conhecimento da linguagem HTML é no entanto desejável, para dominar as opções de edição avançadas do software, permitindo nomeadamente alterar manualmente atributos de estilo.


Por outro lado, um site convivial deve conter imagens. Um software de desenho será então necessário a fim de alegrar o site com imagens (no formato GIF, JPG ou PNG).

Alojamento


Uma empresa que coloca à disposição um servidor web ligado permanentemente à Internet chama-se "host" e oferece um serviço chamado alojamento. Distingue-se duas principais categorias alojamentos:

  • alojamentos gratuitos. Emprestam gratuitamente um espaço no disco de um servidor para criar as suas páginas web. Este tipo de serviço é geralmente totalmente gratuito. Ganham dinheiro quer com um espaço publicitário no seu site (este método é cada vez mais raro), ou unicamente graças ao tráfego no seu próprio site.
  • alojamentos profissionais. Este tipo de alojamento garante um serviço de qualidade (banda concorrida) e de segurança (segurança dos dados e um número de avarias reduzido). Revela-se bastante indispensável no caso de um site com tráfego importante (mais de 1000 visitantes por dia) e permite a compra de um nome de domínio (um nome do tipo www.[kioskea.net).]).

Colocação em linha


Para criar um site, não é necessário estar ligado à Internet, tendo em conta o fato de que se trata unicamente de criar os farquivos HTML e as imagens.

Contudo, quando o site está pronto para ser visto por visitantes, é essencial pô-lo em linha, ou seja, transferir (copiar) os arquivos do seu computador para o servidor.

Para tanto, é essencial conectar-se à Internet e em segguida enviar as páginas para o servidor com a ajuda de um cliente FTP (um software de transferência de arquivos).

Promoção


Um site será visitado apenas a partir do momento em que um certo esforço de promoção tenha sido realizado. Uma vez o site conhecido, a promoção pode então auto manter-se graças ao links criados por outros webmasters, na medida em que o conteúdo do site apresenta um interesse suficiente.

Para uma leitura offline, é possível baixar gratuitamente este artigo no formato PDF:
Webmastering-introducao-a-criacao-de-paginas-web.pdf

A ver igualmente


Webmastering - Introduction to Webpage Creation
Webmastering - Introduction to Webpage Creation
Creación de páginas web
Creación de páginas web
Webmastering - Einführung an der Schaffung einer Webseite
Webmastering - Einführung an der Schaffung einer Webseite
Créer un site web
Créer un site web
Creazione di pagine web
Creazione di pagine web
Este documento, intitulado « Webmastering - Introdução à criação de páginas web »a partir de Kioskea (pt.kioskea.net) está disponibilizado sob a licença Creative Commons. Você pode copiar, modificar cópias desta página, nas condições estipuladas pela licença, como esta nota aparece claramente.