Google anuncia demissão de 4.000 na Motorola

Kioskea segunda 13 de agosto de 2012 - 07:49:11


O Google se comprometeu a compensar os trabalhadores afetados com \

A empresa de internet Google anunciou nesta segunda-feira a demissão de 4.000 funcionários na Motorola, dois terços deles nos Estados Unidos, para tentar recuperar a fabricante de telefones celulares que comprou em maio.

A empresa de internet Google anunciou nesta segunda-feira a demissão de 4.000 funcionários na Motorola, dois terços deles nos Estados Unidos, para tentar recuperar a fabricante de telefones celulares que comprou em maio.

O Google se comprometeu a compensar os trabalhadores afetados com "generosas indenizações" de demissão e com programas de reposicionamento profissional, informou um porta-voz da empresa em um comunicado.

A "estratégia" pretende "facilitar o retorno dos lucros na unidade de telefonia celular" da Motorola, completou.

A informação foi revelada nesta segunda-feira pelo site do jornal New York Times, que destaca que a Motorola informou aos funcionários no domingo que suprimirá 20% dos postos de trabalho e fechará um terço dos 94 escritórios em todo o mundo.

Dois terços das demissões acontecerão nos Estados Unidos, confirmou ao jornal Dennis Woodside, o novo diretor geral da Motorola.

O Google não revelou até o momento nenhum detalhe sobre a localização exata das demissões fora dos Estados Unidos.

O gigante da internet destacou "compreender até que ponto isto será difícil para os funcionários envolvidos", mas informou que "espera com esta estratégia criar novas oportunidades e obter o retorno do lucro para o departamento de celulares da Motorola".

A empresa pretende retirar a Motorola dos mercados não rentáveis e interromper a produção de uma série de telefones celulares, passando a priorizar alguns modelos específicos.

© 2012 AFP

Adicionar comentário

Comentários

Adicionar comentário