Kioskea
Pesquisar

Russo acusado de hackear site da Amazon é preso no Chipre

Kioskea quinta 19 de julho de 2012 - 20:14:12


Dois ataques paralisaram as operações do site da gigante do varejo em junho de 2008

Um cidadão russo acusado de hackear o site de vendas Amazon.com em 2008 foi preso no Chipre esta semana.

Um cidadão russo acusado de hackear o site de vendas Amazon.com em 2008 foi preso no Chipre esta semana, anunciou o Departamento de Justiça (DoJ) dos Estados Unidos nesta quinta-feira.

A justiça americana solicitou a extradição de Dmitri Olegovich Zubakha, de 25 anos, originário de Moscou, indicou o DoJ.

Zubakha foi acusado em 2011 por dois ataques que paralisaram as operações do site da gigante do varejo em junho de 2008. As ações foram reivindicadas pelo próprio acusado em vários fóruns. Os sites da Priceline e do eBay também foram atacados.

Os ataques consistiam em saturar o site com pedidos até que seus servidores entrassem em colapso.

Zubakha também foi acusado de roubar as senhas de mais de 28.000 cartões de crédito em outubro de 2009.

"O réu não poderia se esconder no ciberespaço, felicito as autoridades policiais em todo o mundo que o prenderam", disse o chefe da unidade do DoJ para a luta contra a cibercriminalidade, Jenny Durkan.

De acordo com autoridades americanas, Zubakha agiu com um cúmplice, Sergey Viktorovich Logashov, apelidado de Jjoker, que chegou a ser contratado pela Priceline.com para ajudar a defender seus serviços contra esses ataques.

Se for condenado nos Estados Unidos, Zubakha poderá receber uma pena de 10 anos de prisão por danos aos sistemas de informação e por outras acusações.

© 2012 AFP

Adicionar comentário

Comentários

Adicionar comentário