Kioskea
Recherche

Google Earth lança "mapa cultural" de indígenas na Amazônia brasileira

Kioskea sábado 16 de junho de 2012 - 16:14:42


Rebeca Moore, do Google Earth, ao lado do chefe Almir, dos Suruís

O Google colocou em seu serviço de mapas a etnia indígena Suruí, que habita no coração da Amazônia brasileira, e lançou neste sábado uma plataforma que mostra os traços culturais desta comunidade ameaçada pelo desmatamento.

O Google colocou em seu serviço de mapas a etnia indígena Suruí, que habita no coração da Amazônia brasileira, e lançou neste sábado uma plataforma que mostra os traços culturais desta comunidade ameaçada pelo desmatamento.

Representantes do Google e indígenas suruí apresentaram o projeto - o primeiro desse tipo - durante o fórum empresarial paralelo à conferência Rio+20.

"Isso é algo único, representa toda uma nova etapa para o Google", explicou à imprensa Rebeca Moore, engenheira do Google Earth e líder do projeto.

"É uma grande emoção mostrar nossa cultura ao mundo", celebro cacique Amir, chefe dos Suruís.

Na imagem animada do Google Earth, é possível ver um pequeno ponto no território brasileiro: é a tribo suruí, que habita uma extensão de 240.000 hectares no estado amazônico de Rondônia (noroeste), com 1.300 integrantes.

O aplicativo contém imagem em 3D da selva onde vivem, assim como narrações animadas de suas tradições e costumes.

O território suruí está cercado por uma área bastante desmatada e, segundo o Chefe Amir, suas terras são ameaçadas por madeireiros ilegais. Por isso, em 2007, viajou para a Califórnia, onde estabeleceu uma associação com o Google para registrar a realidade da zona.

"É uma ferramenta de trabalho que estamos utilizando para fazer denúncias. Temos uma equipe de monitoração", explicou. Esta equipe é formada por jovens indígenas, que com seus smartphones, registram a região.

O aplicativo está disponível no Google Earth, apesar de ainda não estar integrado à plataforma.

Segundo Moore, a empresa espera repetir a experiência com outras duas etnias vizinhas ao suruís, assim como com outras populações aborígenes do Canadá e Nova Zelândia.

© 2012 AFP

Adicionar comentário

Comentários

Adicionar comentário