Faça uma pergunta »

Micro Computador

Abril 2015





O microcomputador é composto por uma unidade central (unidade de processamento de informação) e as interfaces de entrada e saída.

Unidade central


Dentro da caixa, ou torre, você vai encontrar uma placa coberta de circuitos eletrônicos: é a placa-mãe. Ela permite a comunicação dos diversos componentes.

Na placa-mãe se encontram:
  • O processador: É o cérebro (sem ele, nada de computador!), ele pode processar mais de três bilhões de ciclos por segundo.
  • As barras da memória</grãs>: A memória viva (também chamada de RAM ou memória central) armazena temporariamente as informações, enquanto você utiliza um aplicativo. É como um tanque, com uma capacidade limitada, que se enche quando se trabalha e se esvazia quando se para uma aplicação. Os dados armazenados na memória RAM são perdidos se não forem salvos. As barras da memória têm uma capacidade de armazenamento que se traduz em mega bytes (em múltiplos de 128) ou gigabytes (milhares de Mega). Você pode adicionar mais memória, se ela não for suficiente, assim que a placa-mãe tiver espaço disponível.
  • <gras>A placa de vídeo : exibe o conteúdo de uma parte da memória viva em forma de janela. A exibição na tela é feita com pontos coloridos. As novas placas de vídeo têm um processador e uma memória viva (necessária para a exibição em 3D).
  • O disco rígido: opera magneticamente (ao contrário dos componentes já citados, que são elétricos). O disco rígido pode conservar os dados mesmo sem eletricidade. Para isso é preciso, é claro, salvar, o que deve ser feito automaticamente, cada vez que desligamos o computador (altamente recomendado, para não perder seu dia de trabalho em caso de corte de energia). A capacidade do disco rígido se traduz em Giga bytes, ou seja, em bilhões de bytes ou até, em terabytes (dezenas de bilhões de bytes)!
  • As portas: Na parte inferior da unidade central podemos ver diversos tipos de buracos, que chamamos portas.
    • A porta VGA>: É a tomada que liga a tela. Ela é composta de 15 pinos. Existem também outras normas para essa utilização, como as portas HDMI, DVI.
    • As portas PS/2: São tomadas redondas que ligam o teclado (a roxa) e o mouse (a verde)
    • As portas série : Tomadas relativamente curtas com 9 pinos utilizadas, principalmente, nas ligações de séries, permitino a transmissão de dados assíncronos conforme a norma RS-232 (RS-232C). Esta porta quase não é usada hoje.
    • A porta paralela: É uma tomada com 25 pinos cor-de-rosa que conectava a impressora, antes de aparecer o pen drive (USB). Esta porta está condenada a desaparecer.
    • As portas USB : Essas tomadas pretas retangulares conectam vários periféricos. Um computador tem de 1 a 4 e, estão localizadas na parte frontal e atrás do computador. Agora, muitos hardwares podem se conectar com os pen drives USB (impressora, tela, webcam, etc), muitas vezes, é necessário ter uma "tomada múltipla" USB para ligar, ao mesmo tempo, sua máquina digital, seu pen drive, etc.
    • A porta IEEE 1394: Esta tomadinha quadrada conecta os periféricos que exigem transferências rápidas de grandes quantidades de informação.
    • A porta Ethernet (RJ45): Esta tomadinha quadrada conecta o computador a uma rede local, que pode, ela mesma, se conectar à Internet.

Periféricos


Um periférico de computador é um componente de hardware que possibilita a comunicação entre a unidade central e o mundo exterior.

Existem três tipos de periféricos:
  • Periféricos de entrada, usados para entrar as informações no computador: o teclado, o mouse, os leitores (CD, DVD, etc.), o joystick (manete), o scanner (digitalizador), a webcam, o microfone, etc.
  • Periféricos de saída, usados para fazer sair as informações: a tela, a impressora, os auto-falantes, o gravador CD ou DVD, o vídeo-projetor, etc.
  • Periféricos de entrada/saída, que possibilitam as comunicações bidirecionais:
    • O modem : Usado para conectar à internet. Com um modem, é possível receber informações
    • A placa de rede: Usada para conectar ou interconectar computadores entre eles e trocar informações.
    • A placa de som : Usada para adquirir e restaurar o som. É possível conectar um microfone e auto-falantes.





Para uma leitura offline, é possível baixar gratuitamente este artigo no formato PDF:
Micro-computador.pdf

A ver igualmente

Na mesma categoria

El microordenador
Por Carlos-vialfa em 26 de janeiro de 2010
Le micro-ordinateur
Por buckhulk em 9 de janeiro de 2010
Artigo original publicado por buckhulk. Tradução feita por pintuda.
Este documento, intitulado « Micro Computador »a partir de Kioskea (pt.kioskea.net) está disponibilizado sob a licença Creative Commons. Você pode copiar, modificar cópias desta página, nas condições estipuladas pela licença, como esta nota aparece claramente.