Kioskea
Pesquisar

VLAN - Redes virtuais

Março 2015

Introdução às VLAN

Uma VLAN (Virtual Local Area Network ou Virtual LAN, em português Rede Local Virtual) é uma rede local que agrupa um conjunto de máquinas de maneira lógica e não física.


Com efeito, numa rede local a comunicação entre as diferentes máquinas é governada pela arquitectura física. Graças às redes virtuais (VLANs) é possível livrar-se das limitações da arquitectura física (constrangimentos geográficos, restrições de endereçamento,…) definindo uma segmentação lógica (software) baseada num agrupamento de máquinas graças a critérios (endereços MAC, números de porta, protocolo, etc.).

Tipologia de VLAN

Foram definidos vários tipos de VLAN, de acordo com o critério de comutação e o nível em que se efectua:

  • Uma VLAN de nível 1 (também chamada VLAN por porta, em inglês Port-Based VLAN) define uma rede virtual em função das portas de conexão no comutador;
  • Uma VLAN de nível 2 (igualmente chamada VLAN MAC, em inglês MAC Address-Based VLAN) consiste em definir uma rede virtual em função dos endereços MAC das estações. Este tipo de VLAN é muito mais flexível que a VLAN por porta, porque a rede é independente da localização da estação;
  • Uma VLAN de nível 3: distinguem-se vários tipos de VLAN de nível 3 :
    • A VLAN por subrede (em inglês Network Address-Based VLAN) associa subredes de acordo com o endereço IP fonte dos datagramas. Este tipo de solução confere uma grande flexibilidade, na medida em que a configuração dos comutadores se altera automaticamente no caso de deslocação de uma estação. Por outro lado, uma ligeira degradação de desempenhos pode fazer-se sentir, dado que as informações contidas nos pacotes devem ser analisadas mais finamente.

O VLAN por protocolo (em inglês Protocol-Based VLAN) permite criar uma rede virtual por tipo de protocolo (por exemplo TCP/IP, IPX, AppleTalk, etc.), agrupando assim todas as máquinas que utilizam o mesmo protocolo numa mesma rede.

As vantagens do VLAN

A VLAN permite definir uma nova rede acima da rede física e a esse respeito oferece as seguintes vantagens:

  • Mais flexibilidade para a administração e as modificações da rede porque qualquer arquitectura pode ser alterada por simples parametrização dos comutadores
  • Ganho em segurança, porque as informações são encapsuladas num nível suplementar e são eventualmente analisadas
  • Redução da divulgação do tráfego sobre a rede

Mais informações

As VLAN são definidas pelos padrões IEEE 802.1D, 802.1p, 802.1Q e 802.10. Para mais informações, é aconselhável consultar os documentos seguintes :

  • IEEE 802.1D
  • IEEE 802.1Q
  • IEEE 802.10


Artigo escrito por Jean-François PILLOU

Para uma leitura offline, é possível baixar gratuitamente este artigo no formato PDF:
Vlan-redes-virtuais.pdf

A ver igualmente


VLAN - Virtual networks
VLAN - Virtual networks
VLAN - Redes virtuales
VLAN - Redes virtuales
VLAN - Virtuelle Netze
VLAN - Virtuelle Netze
VLAN - Réseaux virtuels
VLAN - Réseaux virtuels
VLAN - Reti virtuali
VLAN - Reti virtuali
Este documento, intitulado « VLAN - Redes virtuais »a partir de Kioskea (pt.kioskea.net) está disponibilizado sob a licença Creative Commons. Você pode copiar, modificar cópias desta página, nas condições estipuladas pela licença, como esta nota aparece claramente.